Fim da TV analógica: Brasília entra na era digital
0800.940.2104

Telefone

abert@abert.org.br

E-mail

ABERT.RadioeTV

Facebook

@abertbr

Twitter

Quinta, 17 Novembro 2016 19:05

Fim da TV analógica: Brasília entra na era digital

Escrito por

A TV analógica já faz parte do passado da população de Brasília e de nove cidades do entorno do Distrito Federal. A partir da meia-noite desta quinta-feira (17), as 13 geradoras e 12 retransmissoras de TV locais darão início à era digital, com o desligamento do sinal analógico.

A portaria que autoriza o fim das transmissões analógicas foi assinada pelo ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, em cerimônia que reuniu representantes da radiodifusão, das teles, da Anatel e do MCTIC.

De acordo com o ministro Gilberto Kassab, a experiência de Brasília será o grande teste para o restante do país.

“Depois de semanas de muita tensão por conta da expectativa desse dia - onde existiram muitas preocupações, que foram superadas – hoje podemos dizer que o Brasil passa a contar com um projeto piloto devido à dimensão do DF. Aqui foram encontradas diferentes situações que serão essenciais para o desligamento em São Paulo”, afirmou o ministro.

O presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Juarez Quadros, ressaltou que o desligamento do sinal analógico no Distrito Federal representa mais de 1,25 milhão de domicílios, sendo 947 mil em Brasília e 310 mil nas cidades do entorno. No total, mais de 2 milhões de pessoas irão assistir à programação da TV aberta apenas em formato digital.

Também participaram da solenidade de assinatura a secretária de Comunicação do MCTIC, Vanda Bonna, o secretário de Telecomunicações, André Borges, o presidente da ABERT, Paulo Tonet Camargo, o presidente do Fórum Brasileiro de TV digital, Roberto Franco, o presidente da AVEC, Flávio Lara Resende e o presidente da Abratel, Luiz Claudio Costa.

De dezembro de 2015 a novembro deste ano, 312 mil kits digitais foram entregues às famílias beneficiárias de programas sociais do governo federal. Nos próximos 30 dias, a EAD (Entidade responsável pela digitalização no Brasil) continuará trabalhando para atingir o restante das 58 mil famílias que têm direito ao kit gratuito com conversor e antena digital.

Após o desligamento, as emissoras de TV de Brasília deverão transmitir, por 30 dias, uma cartela fixa com a mensagem que alerta sobre o desligamento e informa como sintonizar o canal digital.

A próxima cidade a ter o sinal analógico desligado será São Paulo, em março de 2017. A primeira parte do desligamento no estado atingirá, contando com a capital, 39 municípios.

Image
Associação Brasileira de Emissoras
de Rádio e Televisão.

SAF Sul Quadra 02 Ed. Via Esplanada Sala 101 - 70.070-600 - Brasília - DF
+55 61 2104-4600
abert@abert.org.br