Menu

Imprensa-250x250abertJuridica 250x2501novoParlamentar 250x250Assessoria Técnica

FacebookTwitter

Rádios apoiam flexibilização da Voz do Brasil

Desde o início do mês, quando foi sancionada a lei que permite flexibilizar entre 19h e 22h a transmissão da Voz do Brasil, algumas emissoras adaptaram a programação e passaram a apresentar o noticiário em outro horário.

Transmitir A Voz do Brasil em um horário mais adequado a cada emissora era um antigo pleito da ABERT. Com a lei sancionada, ganharam as rádios e os ouvintes, que tinham sua programação preferida interrompida sempre às 19h.

O diretor executivo da Rádio CBN, Ricardo Gandour, comemorou a oportunidade de passar A Voz do Brasil em outro horário, adequando a programação de acordo com o interesse dos ouvintes. “A flexibilização foi muito importante para a CBN, pois o horário das 19 corresponde a um momento de elevada demanda de notícias e de prestação de serviços, tanto localmente quanto em rede. Assim, aproveitamos bem essa oportunidade”, disse Gandour.

A Rádio Banda B de Curitiba (PR) também está flexibilizando o programa. O diretor da emissora, Michel Micheleto, afirmou que, com exceção dos dias de jogos de futebol, a rádio está transmitindo o programa às 21h.

“Para a Rádio Banda B, especificamente, a flexibilização foi muito importante, tendo em vista que temos as Jornadas Esportivas que muitas vezes coincidiam com o horário do programa oficial. Então, colocamos A Voz do Brasil no ar levando em conta o horário do jogo” afirmou Micheleto em entrevista à Associação das Emissoras de Radiodifusão do Paraná (AERP).

A Lei nº 13.644, publicada em 5 de abril, permite que as emissoras comerciais transmitam o programa, sem cortes, entre 19h e 22h, no horário que for melhor para cada rádio.

De acordo com a lei, as rádios que optarem pela flexibilização devem informar, diariamente, às 19h, sobre o horário que o programa será transmitido.

Última modificação emSexta, 20 Abril 2018 10:14
voltar ao topo

Mais recentes

Mais acessadas

rss

 

SiteLock