assbrasilradiotv

YouTube

@abertbr

Twitter

abertbr

Instagram

ABERT.RadioeTV

Facebook

Notícias

Sexta, 19 Fevereiro 2021 10:05

Austrália: gigante da tecnologia promove apagão de notícias nas redes sociais

Avalie este item
(1 Votar)

 O Facebook bloqueou, na quinta-feira (18), o acesso dos australianos às notícias locais em retaliação ao projeto de lei que obriga as gigantes de tecnologia ao pagamento pela publicação de notícias produzidas por veículos de comunicação.

A nova lei australiana, elaborada pela ACCC, comissão que defende a concorrência no país, similar ao Cade brasileiro, tenta compensar a relação entre veículos de imprensa e as quatro principais plataformas americanas: Google, Amazon, Facebook e Apple.

Segundo a ACCC, a cada 100 dólares australianos gastos em publicidade no país, em 2019, 53 foram para o Google, 28 foram para o Facebook e 19 foram para outros sites.
Já o Google, que desde 2020 faz campanha contra a nova lei, anunciou, na quarta-feira (17), que fechou acordo para remunerar os veículos profissionais de imprensa pelas notícias que serão exibidas em uma seção do Google News.

Em entrevista ao portal UOL, o presidente da ANJ (Associação Nacional dos Jornais), Marcelo Rech, afirmou que "o acordo mostra que o Google e o governo australiano perceberam a importância e a relevância estratégica de um ecossistema de comunicação forte e saudável".

O debate iniciado na Austrália deve pautar decisões pelo mundo: Canadá, França e União Europeia já trabalham por leis semelhantes.

*Com informações do UOL

Image
Associação Brasileira de Emissoras
de Rádio e Televisão.

SAF Sul Quadra 02 Ed. Via Esplanada Sala 101 - 70.070-600 - Brasília - DF


(61) 2104.4600 (geral) ou 08009402140 abert@abert.org.br

(61) 2104.4604 (jurídico) (juridico@abert.org.br)

(61) 99347.0038 (imprensa) (imprensa@abert.org.br)

(61) 99434-9030 (financeiro) (contasareceber@abert.org.br)

© Copyright 2021 ABERT. Associaçāo Brasileira de Emissoras de Rádio e Tv