Youtube
Facebook
Instagram

Notícias

Sexta, 20 Janeiro 2023 11:50

Violência contra jornalistas será monitorada pelo governo

Rate this item
(0 votes)

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, anunciou na terça-feira (17) a criação do Observatório Nacional da Violência contra Jornalistas. O órgão fará o monitoramento dos casos de ataques contra os profissionais da imprensa no exercício da atividade jornalística e a interlocução como Judiciário e instituições de segurança pública.

Somente em 8 de janeiro, quando houve as invasões à sede dos Três Poderes, em Brasília, foram registrados 15 casos de agressões contra jornalistas. Em outras unidades da Federação, também o desmonte de acampamentos em frente a quartéis do Exército produziram uma onda de ameaças, hostilidades e violência física contra as equipes de reportagem que cobriam as ações.

“Acolhendo o pedido das entidades sindicais dos jornalistas, vamos instalar no Ministério da Justiça o Observatório Nacional da Violência contra Jornalistas, a fim de dialogar com o Poder Judiciário e demais instituições do sistema de justiça e de segurança pública”, escreveu Dino em sua conta no Twitter.

Desde 2012, a ABERT produz, anualmente, o Relatório sobre Violações à Liberdade de Expressão com os ataques físicos e virtuais aos profissionais e veículos de comunicação brasileiros.

Image
Associação Brasileira de Emissoras
de Rádio e Televisão.

SAF Sul Quadra 02 Ed. Via Esplanada Sala 101 - 70.070-600 - Brasília - DF


(61) 2104.4600 (geral) ou 08009402140 abert@abert.org.br

(61) 2104.4604 (jurídico) (juridico@abert.org.br)

(61) 98277.1492 (imprensa) (imprensa@abert.org.br)

(61) 99434-9030 (financeiro) (contasareceber@abert.org.br)

© Copyright 2023 ABERT. Associaçāo Brasileira de Emissoras de Rádio e Tv

Busca